sábado, 16 de julho de 2005

Pensamentos Perdido no Tempo

Quero falar mas existem momentos em que é melhor silenciar.
O que fazer quando sentimos um vazio enorme dentro da gente?
O que fazer quando percebemos que certas coisas parecem não ser destinadas a nós?
O que fazer quando sentimos frio na alma?
Não, não quero sentir esse vazio, não quero sentir esse frio e muito menos achar que aquilo que desejo não seja para mim.
Vou lutar e acreditar que são apenas momentos, momentos em que nos encontramos perdidos em nossos pensamentos.
É assim que estou, perdida em meus pensamentos. Perdida em sonhos, em desejos,saudades.
Desejo de encontrar.
Desejo de ser verdadeiramente amada.
Desejo de ser verdadeiramente feliz.
Desejo da entrega total.
Sem máscaras, sem medos, sem angústias, sem renúncias.
Quero voltar a sorrir com a alma.
Preciso que um dia alguém me descubra.
Que perceba que posso ser muito mais do que sou.
Desejo que seja real e não apenas sonhos.
Sonhos que hoje amenizam a minha realidade.
Sonhos que desejo que se tornem realidade.
Estou cansada de sentir saudade daquilo que não vivi!

Estava aqui, em um sábado monótono sem nada pra fazer, navegando pel net, leio uma matéria, sem grande importância. Ela falava sobre alma gêmea.Uma frase ficou martelando dentro da minha cabeça e me fez escrever o que está aí em cima.
A frase em questão era: "se o for, jamais quererá se separar dela; mas se for para o bem de sua cara-metade, é até capaz de renunciar para vê-lo feliz."
Eu vivi algo entre 2003 e 2004, que ficará sempre sem respostas ou até mesmo um dia poderá ter. Posso dizer que foi uma ligação espiritual diante de acontecimentos que não dá para explicar, como de repente, do nada, eu acordar pela manhã chorando, com uma angústia, sentindo que precisava falar com uma pessoa e descobrir que essa pessoa estava sentindo a mesma coisa queeu, que ela queria naquele mmento falar comigo e os dois chorarem juntos.
Ele dizia que eu enxergava a alma dele. Assim como ele enxergava a minha. E o que eu mais queria era vê-lo feliz e depois de tantas conversas mostrando que ele podia ser feliz, ele encontrou alguém que poderia pelo menos tentar fazê-lo sentir-se assim.
E assim houve a renúncia....
E assim vou renunciando... ontem, hoje...
Mas um dia eu tomo jeito...rs.

2 comentários:

Rhiannon disse...

EU PRECISO SER A PRIMEIRAAAAAAA... TO MUITO EMOCIONADA... MUITO MESMO... TA FUNCIONANDO!!!

Rhiannon disse...

Vou até comentar novamente... de tão emocionada que eu tô... ai Amiga... é tão bom te ler assim direto... sem ficar empatando no meio do caminho... tava uma foda mal dada... ai ai ai ai... agora tudo flui perfeitamente!!!...